Com inflação em queda, feijão já custa R$ 3,99

2 meses Anterior written by

Nas prateleiras dos supermercados e nas feiras livres de Salvador, o quilo do feijão está custando, em média, entre R$ 3,49 e R$ 5,00. São quase dois meses de queda no preço de um dos principais itens da cesta básica, que no mesmo período de 2016, foi o principal vilão para o bolso do consumidor. O preço do produto, na época, subiu 54,09%, chegando a custar R$ 14,00, o quilo.  De acordo com a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), o recuo é resultado da redução de consumo do produto, entre os meses de junho e julho. “Em maio, o feijão teve uma elevação exorbitante no preço. Para se ter ideia, a saca que estava custando entre R$ 115,00 e R$ 120,00, chegou a custar R$ 250,00. O que fez com que o consumidor substituísse o grão por outras opções como o feijão preto e a lentilha”, explicou o Produtor Rural e Presidente do Conselho Técnico da Aiba, LandinoDutkievicz.  Para o aposentado Manoel Lopes, o recuo de preço é excelente para o bolso do consumidor. “De fato, tenho notado essa redução. E que bom, não é? Pelo menos ainda podemos nos alimentar! ”, brinca o aposentado.  Mas para Landino, a redução está deixando os produtores preocupados. “Para o consumidor isso é bom, mas o produtor sente no bolso. Tem quase 20 dias que a saca está sendo vendida a R$ 100,00, com isso, o produtor não tem lucro”, completa.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Economia