Máfia das merendas: MP-BA apura licitação da prefeitura e secretário reforça legalidade

1 mês Anterior written by

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) vai apurar a licitação da prefeitura de Salvador que encerrou com a vitória da empresa Nutriplus Alimentação e Tecnologia para o fornecimento de merenda escolar para os alunos matriculados na rede pública. O MP-BA vai investigar o caso após denúncia de um anônimo. O inquérito civil foi instaurado no último dia 5 de dezembro, mas a informação foi divulgada nesta segunda-feira (10) no Diário Oficial da Justiça. A Nutriplus é uma das empresas envolvidas na chamada “máfia da merenda” em São Paulo. Em 26 de março de 2010, o empresário Genivaldo Marques dos Santos, sócio da empresa Verdurama, envolvida no esquema, contou detalhes em delação. Segundo ele, as empresas da merenda formavam um cartel.
O secretário municipal de Educação, Bruno Barral, reforçou, em entrevista ao Bahia Notícias, que o processo licitatório ocorreu de forma legal. “O poder público não pode deixar de contratar com preço menor porque a empresa está sendo investigada em outro processo. A nossa vontade é que o Ministério Público apure efetivamente e a gente está aqui para prestar qualquer esclarecimento sobre a lisura do processo”, ressaltou. (BN)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Justiça