Ministério Público faz operação na casa de Ronaldinho

4 semanas Anterior written by

O Ministério Público do Rio Grande do Sul cumpriu mandado de busca e apreensão hoje (21) em uma das residências do ex-jogador Ronaldinho Gaúcho, no bairro Cavalhada, na zona sul de Porto Alegre.  MP recolheu duas BMW e o Mercedes-Benz, avaliadas em R$ 200 mil, e um quadro, que pode valer até US$ 20 mil (R$ 75 mil). A ação buscou reaver valores da família Assis Moreira.  Ronaldinho Gaúcho, o irmão e empresário Assis e a empresa Reno Construções e Incorporações foram condenados por crime ambiental pela construção de um trapiche na Orla do Guaíba, considerada área de preservação ambiental. O valor das multas e da indenização chega a R$ 8,5 milhões. No início de novembro, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul determinou a apreensão dos passaportes de Ronaldinho Gaúcho e de Assis devido ao não pagamento da dívida. De acordo com o desembargador Newton Fabrício, os réus foram omissos durante o processo e se recusaram a receber intimações. (Metro 1)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Justiça