Papa Francisco cria comissão para examinar abusos sexuais

3 anos Anterior written by

O papa Francisco criou um conselho judicial de sete cardeais e bispos que irão examinar as condenações de membros do clero por abusos sexuais. Segundo o padre Federico Lombardi, a medida entra em vigor nesta terça-feira (11) e quer acelerar os procedimentos internos da Igreja Católica. Todos os membros do grupo pertencem à Congregação para a Doutrina da Fé. Os recursos analisados pelos membros do Conselho fazem parte do chamado “delicta graviora”, os crimes cometidos contra a moral e na celebração dos sacramentos católicos. Segundo o padre Lombardi, muitos recursos que já estão aguardando se referem aos abusos do clero contra crianças e adolescentes. A sessão ordinária da Congregação para a Doutrina da Fé, atualmente, não está dando conta dos pedidos e o Conselho servirá para eliminar os itens pendentes. Durante a sessão Ordinária da Congregação, onde são examinadas as possíveis violações, este novo organismo analisará os recursos, mas sem “modificar as competências já estabelecidas”. Se o réu for bispo, “seu recurso será examinado pela sessão ordinária” da Congregação, mas o papa também poderá decidir que se ocupem de outros casos. A nova comissão deverá informar periodicamente suas próprias decisões à sessão Ordinária. De acordo com o diretor da sala de imprensa da Santa Sé, Federico Lombardi, a decisão do papa de criar este ‘Coleggio’ “foi bem amparada e considerada uma boa solução” por parte da Congregação. (Agência EFE)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Mundo