Procurador que chamou Temer de leviano será julgado nesta terça

7 meses Anterior written by

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) julgará, nesta terça-feira (15), o procurador da República Carlos Fernando dos Santos Lima. Ele está sendo acusado de quebra de decoro por chamar o presidente Michel Temer de “leviano, inconsequente e calunioso”. A afirmação foi feita no perfil do procurador no Facebook, após o presidente ter, segundo Carlos Fernando, insinuado que os membros da Procuradoria Geral da República (PGR) recebiam valores ilicitamente. Nesta segunda-feira (14), de acordo com informações do blog do Matheus Leitão, no portal G1, 410 membros do Ministério Público (MP) divulgaram manifesto em defesa da liberdade de expressão de procuradores e promotores de Justiça, e de juízes e policiais. O texto afirma que Carlos Fernando “corre o risco de ser submetido a pena disciplinar de censura pública, apenas por dizer o que pensa”. Além disso, enfatiza que “dar a voz apenas àqueles com quem concordamos não define uma conduta republicana e democrática”. Defende, ainda, o desejo de que o CNMP “revele seu apreço pela liberdade e pelo valor da livre circulação das ideias”. Entre as pessoas que assinaram o documento estão o coordenador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, e o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot. (Noticias ao MInuto)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Justiça