Suplementos e termogênicos podem causar mau hálito

3 anos Anterior written by

A prática de esportes pode trazer muitos benefícios para a saúde. Porém, algumas preparações a base de vitaminas que prometem complementar a alimentação e são grandes aliadas de quem faz muitos exercícios, podem causar um problema desagradável para os atletas; o mau hálito. Para Neide Pena Coto, coordenadora do Laboratório de Pesquisa em Odontologia do Esporte e Biomecânica da FOUSP, isso ocorre porque esses suplementos são capazes de alterar o pH da saliva, fazendo do ambiente bucal um ótimo lugar para a proliferação de bactérias e, consequentemente, para a existência da halitose. Segundo Olinda Tarzia, diretora científica da CETH (Centro de Excelência no Tratamento da Halitose), os suplementos vitamínicos que possuem em sua composição as vitaminas do complexo B podem causar halitose. “Eventualmente esses suplementos podem causar mau hálito assim que a pessoa toma a substância, mas depois de um tempo, o cheiro desaparece”, diz a especialista. O uso de suplementos termogênicos (que aumentam a temperatura corporal) também são fortes aliados do mau hálito. Isso porque, para reequilibrar a temperatura alterada por essa substância, o organismo aumenta a produção de suor. O suor em excesso faz o atleta perder muitos sais minerais e água, podendo causar desidratação. Um dos sintomas da desidratação é a boca seca, que gera uma descamação das células da mucosa da boca. Quando depositadas sobre a língua, causam a saburra lingual (camada esbranquiçada que se fixa na superfície da língua) que causa o mau hálito. Segundo Olinda, a respiração errada (pela boca) durante os exercícios também pode ressecá-la e causar halitose. “Neste caso, o ideal é lubrificar a boca. Existem vários lubrificantes no mercado que têm os mesmos princípios ativos do dióxido de cloro (em gel ou enxaguante) que age contra a halitose”, diz a especialista.

 

 

VOZ DA BAHIA

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Saúde