Vitória da Conquista: prefeitura minimiza estragos do temporal

3 anos Anterior written by
O temporal que atingiu cidades da região sudoeste na Bahia causou diversos estragos para a população local. A cidade de Vitória da Conquista teve uma tarde chuvosa nesta segunda-feira (10).  Ruas ficaram alagadas e carros foram arrastados pela água.

Na segunda, o dia começou abafado e com sol fraco, mas por volta das 15h começou a chover, de acordo com informações do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Em cerca de duas horas, choveu 13,6 mm. Ainda segundo o instituto, a pancada de chuva já era prevista e é resultado de um efeito de massa equatorial continental.

Por meio de nota enviada para o Bocão News, a prefeitura de Vitória da Conquista informou que, a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil recebeu apenas três notificações após a chuva que caiu na tarde dessa segunda-feira (10).
Ainda segundo o esclarecimento, os técnicos da Defesa Civil visitaram vários pontos da cidade e constataram que a água, apesar de invadir algumas casas e pontos comerciais, não provocou ocorrências mais graves, e que a cidade não se encontra em alerta vermelho.
Apesar do posicionamento da prefeitura, a imprensa local repercutiu os estragos causados pelo temporal.  De acordo com informações do Blog do Anderson, carros e barracas foram arrastados pela enxurrada e muitos estabelecimentos no Centro, área mais atingida, alagaram. Imagens da TV Subaé mostram carros sendo arrastados e lojas invadidas pela força da correnteza. Outras imagens mostram até um contêiner de uma empresa que coleta entulho sendo levado pela força da água, próximo a Praça do Gil.
A previsão para esta terça-feira (11) é de pancadas de chuva com trovoadas no sul, sudoeste e oeste do Estado. As chuvas registradas ontem em Conquista ocorreram após dias de muito calor, quando foram registradas temperaturas de até 30°C.
Serviço
A população pode solicitar ajuda referente a deslizamentos, desabamentos, enchentes, inundações, entre outras emergências, por meio do telefone da Defesa Civil 199.
Por: Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Geral