7 das 10 maiores empreiteiras tiveram executivos investigados na Lava Jato

7 anos Anterior written by

Sete das dez maiores empreiteiras do país, segundo ranking elaborado com base na receita bruta total em 2013, já tiveram executivos investigados na operação Lava Jato – que apura desvio de recursos da Petrobras que teria movimentado mais de R$ 10 bilhões. O ranking das maiores construtoras do país foi elaborado pela revista “O Empreiteiro” – considerada referência no setor. De acordo com o levantamento, a Odebrecht teve receita bruta de R$ 10,14 bilhões em 2013, liderando o ranking das maiores empreiteiras do país, seguida pela Andrade Gutierrez (R$ 5,32 bilhões de faturamento), pela OAS (R$ 5,13 bilhões) e pela Camargo Corrêa (R$ 4,78 bilhões). Em quinto lugar, aparece a Queiroz Galvão (R$ 4,68 bilhões) e, depois, a Galvão Engenharia (R$ 3,95 bilhões). A sétima colocação do ranking é ocupada pela Construcap – com receita bruta de R$ 2,65 bilhões em 2013. As sete maiores empreiteiras do país em 2013, segundo o ranking, estão sendo investigadas Lava Jato. Juntas, a receita bruta destas empresas somou R$ 36,67 bilhões no ano retrasado. Ao todo, o esquema de cartel apurado na operação envolveu 23 construtoras, segundo as investigações. Em oitavo, novo e décimo lugares, aparecem empresas que não foram investigadas na Operação Lava Jato pela Polícia Federal e pelo Ministério Público. São elas: MRV Engenharia (R$ 2,38 bilhões de receita bruta em 2013), Racional Engenharia (R$ 2,01 bilhões) e A.R.G (R$ 1,88 bilhão). Veja abaixo o ranking de receita bruta das empreiteiras em 2013:

1 – Norberto Odebrecht (R$ 10,14 bilhões)

2 – Andrade Gutierrez (R$ 5,32 bilhões)

3 – OAS (R$ 5,13 bilhões)

4 – Camargo Corrêa (R$ 4,78 bilhões)

5 – Queiroz Galvão (R$ 4,68 bilhões)

6 – Galvão Engenharia (R$ 3,95 bilhões)

7 – Construcap (R$ 2,65 bilhões)

8 – MRV Engenharia (R$ 2,38 bilhões)

9 – Racional Engenharia (R$ 2,01 bilhões)

10 – A.R.G (R$ 1,88 bilhão)

11 – Carioca Engenharia (R$ 1,84 bilhão)

12 – Direcional Engenharia (R$ 1,79 bilhão)

13 – Mendes Júnior (R$ 1,71 bilhão)

14 – Método Engenharia (R$ 1,5 bilhão)

15 – Construtora Barbosa Mello (R$ 1,28 bilhão)

16 – Eztec (R$ 1,23 bilhão)

17 – Constran (R$ 1,21 bilhão)

18 – WTorre Engenharia (R$ 1,19 bilhão)

19 – Via Engenharia (R$ 1,19 bilhão)

20 – Hochtief do Brasil (R$ 846 milhões)

21 – Techint Engenharia e Construção (R$ 846 milhões)

22 – Moura Dubeux Engenharia (R$ 845 milhões)

23 – Rio Verde Engenharia (R$ 693 milhões)

24 – CR Almeida (R$ 685 milhões)

25 – Encalso Construções (R$ 647 milhões)

 

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Justiça · Polícia

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.