Após descansar na Bahia durante o Carnaval, Dilma retorna a Brasília

7 anos Anterior written by

Após cinco dias de descanso com a família no litoral da Bahia, a presidente Dilma Rousseffretornou na manhã desta quarta-feira (18) para Brasília. A agenda oficial da presidente não registra compromissos oficiais para esta quarta, mas há a expectativa de que ela vá se reunir ao longo do dia com ministros que integram seu conselho político. Segundo a assessoria do Palácio do Planalto, a comitiva presidencial deixou a Base Naval de Aratu por volta das 11h10 e deve desembarcar na capital federal em torno das 12h40. A chefe do Executivo viajou para Aratu na companhia da mãe, Dilma Jane, da filha, Paula, do neto, Gabriel, do genro e de uma tia. Desde que assumiu o comando do país, em 2011, Dilma escolhe a base militar baiana como destino para seus períodos de descanso. No início do ano, um dia após tomar posse, a presidente passou alguns dias na base de Aratu. No mês anterior, em dezembro, ela já tinha tirado quatro dias para descansar na praia baiana. No retorno a Brasília, a presidente deverá se dedicar a estratégias para aumentar a popularidade de seu governo.Pesquisa Datafolha divulgada no dia 7 revelou que a popularidade da presidente caiu quase 20 pontos nos últimos dois meses. Conforme o levantamento, 44% dos entrevistados apontaram a gestão Dilma como “ruim” ou “péssima”. A última pesquisa divulgada pelo instituto, em 3 de dezembro de 2014, apontava que Dilma tinha avaliação positiva de 42% dos entrevistados. A presidente terá ainda o desafio de recompor a base aliada no Congresso Nacional, após a vitória de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) na disputa pela presidência da Câmara. Nas primeiras duas semanas de trabalho, o governo sofreu algumas derrotas na Casa, com a aprovação do Orçamento Impositivo, a abertura de uma nova CPI da Petrobras, e a aprovação de um requerimento para que ministros comparecem toda semana ao plenário para detalhar as ações de suas pastas. A imagem do governo Dilma também tem sofrido desgaste com as denúncias relacionadas à Operação Lava Jato, que investiga um esquema de lavagem de dinheiro que teria desviado recursos da Petrobras. A ex-presidente da estatal Graça Foster renunciou ao cargo na semana passada e foi substituída pelo ex-presidente do Banco do Brasil Aldemir Bendine. (G1)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.