Crime ambiental: Sem autorização, empresa retira água de lagoa em Praia do Forte

5 anos Anterior written by

Um caminhão pipa da empresa Aquageo foi flagrado fazendo coleta irregular de água da Lagoa do Aruá, na localidade de Açuzinho, em Praia do Forte, no município de Mata de São João, região metropolitana de Salvador.De acordo com moradores de um condomínio próximo, as imagens foram feitas na última segunda-feira (25). “Isso acontece num momento que a lagoa registra o nível mais baixo dos últimos anos”, lamenta um dos moradores.Ao Bocão News, uma atendente da empresa confirmou a retirada. “A gente trabalha com perfuração de poço. Pode ter acontecido por causa de alguma perfuração próxima”. A prefeitura de Mata de São João também foi procurada. Por meio de nota enviada ao site, a assessoria informou que a “Secretaria de Planejamento, Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico e Trabalho (SEPLAN) vai emitir um auto de advertência e encaminhar ao Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) para que tome as medidas cabíveis, haja vista que a competência de Gestor e executor da política estadual de recursos hídricos, cabe ao INEMA”. 

Na mira do Ministério Público – No dia 22 de dezembro do ano passado, o Ministério Público estadual (MP-BA), por meio da Promotoria de Justiça especializada em Meio Ambiente, com sede em Mata de São João, instaurou um inquérito civil para apurar uma denúncia de captação irregular de água na Lagoa do Aruá. A exploração da lagoa estaria ocorrendo no Loteamento Quintas do Castelo Açu da Torre.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Crime

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.