Deputado propõe que termos como ‘piroca’ e ‘pinguelo’ sejam patrimônio imaterial do Amazonas

6 anos Anterior written by

O deputado estadual Wanderley Dallas (PMDB-AM) apresentou à Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas um projeto de lei inusitado. O parlamentar propõe que palavras como “piroca”, “cabaço”, “baitola”, “pinguelo” e “xibiu” se tornem patrimônio imaterial do Estado. O peemedebista é integrante da bancada evangélica e listou esses e outros termos copiados do livro “Amazonês”, do acadêmico Sérgio Freire, que pesquisa a linguagem da região. Após a repercussão da proposta, Wanderley Dallas afirmou, nesta quarta-feira (22), que retirará palavrões do projeto, mas rebateu as criticas feitas pelos colegas. “É um grupo de deputados que se constrange com a palavra ‘cabaço’, mas usa de boca cheia em qualquer local”, disse o deputado. O projeto de lei é de 2012, mas só começou a tramitar em comissões da Casa este ano. (Metro1)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Política

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.