Dólar mantém queda ante real após dados dos EUA

6 anos Anterior written by

O dólar no Brasil acompanha a fraqueza vista no exterior na manhã desta quinta-feira, 14, mas dados mistos divulgados nos Estados Unidos trouxeram oscilação à cotação. A moeda para junho reduziu o movimento de baixa após a divulgação dos pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos, mas voltou a cair mais com o índice de preços ao produtor (PPI). Às 9h31, o dólar à vista no balcão caía 0,53%, a R$ 3,0230. O dólar para junho perdia 0,65%, a R$ 3,0375. Os pedidos de auxílio-desemprego diminuíram para 264 mil na semana passada, abaixo da previsão de 273 mil. Já o índice de preços ao produto (PPI) dos EUA caiu 0,4% em abril, na margem, ante previsão de alta de 0,1%, o que traz instabilidade para a moeda. O mercado seguiu voltado para o exterior com a divulgação das vendas no varejo brasileiro, que mostraram fraqueza do setor. As vendas no varejo restrito caíram 0,9% em março ante fevereiro, dentro do intervalo das estimativas (-1,80% a +0,30%), mas mais que a mediana das previsões (-0,40%). Na comparação com março de 2014, as vendas do varejo subiram 0,4% em março, dentro das previsões (-1,00% a +2,80%), mas também abaixo da mediana (+1,35%). No primeiro trimestre, as vendas do varejo restrito acumularam queda de 0,8% em relação a igual período de 2014, dentro das previsões (-1,20% a +1,71%). A mediana, neste caso, era de -0,30%. Já na comparação com o quarto trimestre de 2014, as vendas do varejo restrito tiveram recuo de 1,7% no primeiro trimestre deste ano. Nesta comparação, as projeções eram de quedas de 0,70% a 2,00%, com mediana negativa de 1,20%. (Yahoo)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Economia

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.