Dólar volta a subir e fecha acima de R$ 3,16 nesta quinta

7 anos Anterior written by

Depois de passar a manhã em baixa, o dólar mudou de direção e retomou a trajetória de valorização no início da tarde desta quinta-feira (12), e fechou em alta. A moeda norte-americana subiu 1,08%, cotada a R$ 3,1615. Este é o maior valore desde 14 de junho 2004, quando o dólar fechou a R$ 3,1651, segundo dados do Banco Central. Nesta quinta, o dólar chegou a cair mais de 1% e atingir R$ 3,0764 na mínima da sessão, segundo a Reuters. Nesta semana, a moeda já subiu 3,44% e no mês, 10,7%. No ano, há valorização acumulada de 18,91%. O mercado continua pressionado pelo quadro de apreensão com a situação política e econômica do Brasil. Também pesam as incertezas sobre a continuidade do programa de interferência no Banco Central no câmbio. “De maneira geral, o dólar está no meio de um processo de mudança de patamar, em uma trajetória de alta firme. Dá para imaginar um alívio pontual, não uma recuperação consistente”, explicou à Reuters o economista-chefe da INVX Global Asset Management, Eduardo Velho. A alta do dólar diante do real contrasta com os mercados externos, em que a moeda norte-americana perde força em meio a expectativas menores de que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, comece a elevar os juros do país já em junho. “De maneira geral, o dólar está no meio de um processo de mudança de patamar, em uma trajetória de alta firme. Dá para imaginar um alívio pontual, não uma recuperação consistente”, explicou à Reuters o economista-chefe da INVX Global Asset Management, Eduardo Velho. A alta do dólar diante do real contrasta com os mercados externos, em que a moeda norte-americana perde força em meio a expectativas menores de que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, comece a elevar os juros do país já em junho.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Economia

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.