Doriva cobra eficiência para o Bahia reverter vantagem do Leão e ficar com o título do Baianão

5 anos Anterior written by

Eficiência vai ser a palavra de ordem no Fazendão até o próximo domingo. Depois da derrota no clássico pelo primeiro jogo da decisão do Campeonato Baiano, o Tricolor vai ter que juntar os cacos e se superar para ficar com o título do estadual. O time de Doriva perdeu a vantagem de jogar por dois empates e vai ter que vencer o rival por no mínimo dois gols de diferença, na Arena Fonte Nova.”A gente lamenta a derrota, infelizmente não fomos eficientes, não conseguimos fazer um resultado para fazer uma margem melhor para o jogo da volta, um jogo que vamos ter que jogar a 110%, vamos ter que correr riscos. Se a gente ambiciona recuperar isso que perdemos, vamos ter que correr riscos. Tenho certeza que durante a semana vamos mobilizar os atletas para fazer um grande jogo, correr esses riscos, ser eficientes para fazer os gols e sair com o resultado que nos dê o título”, disse o técnico Doriva logo após a partida. E as estatísticas estão do lado rubro-negro no duelo. Com a derrota de ontem, já são oito clássicos sem triunfos do Esquadrão. Lá se vão dois anos que o clube não comemora sobre o maior rival. O alento fica por conta do último resultado positivo sobre o Leão. Em seis de abril de 2014, Fahel e Anderson Talisca marcaram na Fonte Nova e a equipe venceu justamente por 2 a 0 – placar que precisa para ser campeão. Na ocasião, as equipes se enfrentavam pelo jogo de ida da final do estadual e o título Tricolor foi confirmado no jogo seguinte, com um empate em Pituaçu.”Criamos situações, faltou eficiência para colocar a bola pra dentro nas chances que tivemos, foram poucas, mas tivemos. Acho que isso poderia mudar panorama da partida”, finalizou o treinador. O elenco do Bahia ganhou folga nesta segunda-feira (8) e se reapresenta amanhã, quando incia os preparativos para o duelo do próximo domingo. (Correio)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Esporte

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.