Estudo aponta que Zika pode sobreviver e se replicar por vários dias na mucosa vaginal

6 anos Anterior written by

Um grupo de pesquisadores dos Estados Unidos afirmou que a vagina é um “ninho” no qual o vírus Zika pode se replicar durante bastante tempo e, posteriormente, causar infecção no cérebro do feto. O estudo utilizou ratas grávidas na tentativa de compreender os mecanismos do vírus para “invadir o corpo a partir dos genitais”. “Aproveitando nossa experiência com o herpes genital, queremos entender como o vírus da zika se comporta quando é transmitido através do sexo”, explicou a imunologista de Yale, Akiko Iwasaki, autora principal do estudo. A equipe descobriu, segundo o site Terra, que o Zika pode sobreviver e se reproduzir durante vários dias na mucosa vaginal dos animais. Agora os pesquisadores trabalham para identificar o caminho percorrido pelo vírus da mucosa vaginal até infectar o feto. “Somos cautelosos sobre qualquer conclusão sobre a transmissão humana neste ponto, mas a vagina poderia ser um lugar onde o vírus da zika pode se replicar por um longo período. A vagina poderia ser um reservatório para o vírus em humanos, mas é preciso mais pesquisas”, concluiu Iwasaki. (BN)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Saúde

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.