Gêmeas siamesas não podem ser separadas por compartilharem coração

7 anos Anterior written by

As gêmeas siamesas, Anais e Amanda Cruz, de cinco meses, nascidas no Chile, não poderão ser separadas. De acordo com o cirurgião Humberto Caballero, as bebês são unidas pelo coração e por isso trerão que permanecer juntas.  Segundo Caballero, as gêmeas nasceram com um coração Cyanotic, uma condição que resulta em baixos níveis de oxigênio no sangue, e geralmente leva a uma vida mais curta em crianças. “A condição do coração significa que é impossível separá-las e também seria fora de questão remover um para que a outra possa viver e desenvolver-se normalmente”, explicou em entrevista ao jornal ‘Daily Mail’. Amanda e Anais estão fazendo exames na Universidade Católica de Santiago, Chile, mas em breve voltar a Vallenar, na província chilena de Huasco, onde nasceram, e permanecerão no futuro.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Internacionais

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.