Ipiaú: Família denuncia negligência médica após gestante dar à luz em pé

5 anos Anterior written by

A família de uma gestante de 28 anos afirmou nesta quinta-feira (23) que a jovem deu à luz em pé e sem auxílio médico no município de Ipiaú. O caso teria acontecido nesta quarta, no Hospital Geral de Ipiaú, onde a paciente deu entrada por volta de 5h. “O médico chegou umas 10h30 da manhã. Ela ficou de 5h da manhã até 10h30 sendo acompanhada apenas pelas enfermeiras. Quando foi perto das 11h, o médico chegou no quarto. Ele olhou a paciente, fez o toque e disse que ela já estava toda dilatada e que só dependia dela para a criança nascer, mas ela falou que não tinha mais força, pois já estava sofrendo dores desde a noite anterior”, contou Simara Messias Barbosa, sogra da paciente, ao site Giro em Ipiaú. A gestante teria suplicado que o médico fizesse algo, mas ele apenas ordenou que a paciente fosse colocada no balão de oxigênio para que o parto fosse normal. Ela contou ainda que o bebê sofreu uma série de convulsões. O recém-nascido será transferido para uma unidade médica especializada em atendimento à gestante e recém-nascidos em Jequié. O diretor do hospital, João Henrique, informou que os procedimentos tomados pelo médico plantonista foi em conformidade com as regras do Ministério da Saúde. “Ela [a paciente] já chegou ao hospital querendo fazer o parto cesáreo, só que o Ministério da Saúde preconiza que só pode fazer parto cesário depois de vários itens, e ela não tinha esses itens, foi tanto que ela fez um parto normal e de uma forma muito fácil, foi até uma coisa rápida”, disse. Ainda segundo ele, será aberta uma sindicância para apurar a denúncia de negligência.(Giro em Ipiaú)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Crime

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.