Jornalista é expulso da Câmara de Eunápolis após denunciar desaparecimento de verba

7 anos Anterior written by

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.imtuaZEutNO radialista J. Bastos foi expulso de uma sessão da Câmara de Vereadores de Eunápolis nesta quinta-feira (26) após por ter cobrado as sobras do duodécimo, verba passada para os vereadores e que deve ser devolvida à prefeitura da cidade. Bastos acusou a mesa diretora da Câmara de má gestão do dinheiro público e acabou expulso da sessão por ordem do presidente da Casa, Vavá da Farmácia (PRTB). Em seu programa de rádio, o jornalista lembrou que em tempos passados cerca de um milhão de reais foram devolvidos à prefeitura, mas em 2014 apenas R$ 48 mil foram devolvidos. Segundo ele, há dez anos o repasse aos vereadores era de R$ 270 mil, hoje o valor chega a R$ 551 mil. De acordo com o site aGazeta Bahia, o radialista teria agredido verbalmente o presidente da Câmara, razão que motivou a expulsão dele da sessão

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Crime · Política

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.