José Maria Marin aceita extradição para os Estados Unidos

6 anos Anterior written by

Em anúncio ocorrido nesta quarta-feira (28), o governo da Suíça divulgou que o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, aceitou ser extraditado para os Estados Unidos, onde é acusado pelas autoridades locais em um esquema de corrupção relacionado a direitos de transmissão e marketing de competições. Segundo o Departamento de Justiça do país europeu, o cartola havia se posicionado contrário a solicitação dos norte-americanos, mas acabou concordando na última terça (27) e terá o processo de transferência acelerado. Por questões de segurança, nenhuma informação sobre a sua saída do país será divulgada.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Crime · Justiça

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.