Lewandowski nega liberdade a executivos da Andrade Gutierrez

6 anos Anterior written by

O texto e o título enviados anteriormente continham incorreções. O presidente do Supremo Tribunal Federal negou o pedido de liberdade a executivos da Andrade Gutierrez e não da Odebrecht, como estava escrito. Segue texto corrigido: O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, negou o pedido de liberdade dos executivos da Andrade Gutierrez Otávio Marques de Azevedo e Elton Negrão. Ambos estão presos no Paraná por envolvimento com o esquema de corrupção investigado na Operação Lava Jato. O ministro levou em consideração o parecer da Procuradoria-Geral da República que salienta haver possibilidade de os dois voltarem a cometer crimes, “colocando em risco a ordem pública”. O pedido, encaminhado ao plantão do Supremo, questionava o pedido mantido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A decisão é assinada por Lewandowski porque cabe a ele, durante o recesso do Judiciário, decidir sobre questões urgentes. Teori Zavascki, ministro relator da Lava Jato na corte, volta de férias em fevereiro. (Estadão Conteúdo)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Justiça

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.