MP da Espanha pede prisão do pai de Messi por fraude fiscal

6 anos Anterior written by

O Ministério Público da Espanha pediu a prisão do pai do craque argentino Lionel Messi, Jorge Horacio, por acusação de fraude fiscal. Segundo informações da agência Efe, o órgão solicitou 18 meses de detenção ao pai do atacante, mas absolveu o camisa 10 do Barcelona.As investigações tiveram início em 2013, após uma denúncia do jornal “El País”. O alvo do processo é um suposto esquema de não declaração de 4,1 milhões de euros, desviado para empresas em paraísos fiscais e contratos de prestação de serviços em outros países, entre 2007 e 2009. Após esse desvio, o dinheiro retornava à Espanha livre de impostos. Ainda em 2013, Messi e o pai prestaram depoimento à Justiça espanhola. Jorge Horacio chegou a pagar € 5 mi à Receita, para evitar a responsabilidade civil da acusação. Mesmo após o pai do craque ter assumido total responsabilidade pelo caso, Messi teve um recurso contra a acusação negado pela Justiça.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Crime · Esporte

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.