Palmeiras e Fla são denunciados por briga e podem perder 10 mandos

5 anos Anterior written by

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) denunciou, nesta segunda-feira (6), Palmeiras e Flamengo pela briga de torcedores no intervalo do jogo entre as duas equipes, no domingo (5), válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Segundo informou o procurador-geral da entidade, Paulo Schimitt, os clubes foram enquadrados nos artigos 211 e 213 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). Além da responsabilidade dos dois clubes, o procurador-geral requer a interdição do Mané Garrincha (artigo 64), que seria utilizado pelo Flamengo como um dos palcos para o Brasileiro deste ano. O artigo 211 -‘deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização’- prevê uma pena de R$ 100 a R$ 100 mil; em casos mais graves, a interdição do local também. Já o 213 -‘deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens’- também se baseia em uma multa de R$ 100 a R$ 100 mil, além da possibilidade da perda de um a dez mandos de campo. Cerca de 30 torcedores do Palmeiras foram presos após o confronto. De acordo com a Polícia Militar, os palmeirenses deixaram o seu local reservado na arquibancada e saíram correndo em direção a torcida da equipe carioca. Seguranças ainda tentaram conter o avanço dos torcedores, mas não conseguiram. Com informações da Folhapress.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Esporte · Justiça

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.