Para STF, Bolsonaro quis dividir ônus de efeitos da pandemia

4 semanas Anterior written by

Integrantes do Supremo Tribunal Federal (STF) avaliaram ao blog de Gerson Camarotti, que o presidente Jair Bolsonaro fez um movimento improvisado hoje (7) para tentar dividir com o STF o ônus dos efeitos da pandemia do coronavírus e constranger o tribunal. O encontro não estava previsto na agenda.

Acompanhando de ministros e de um grupo de empresários, Bolsonaro atravessou a pé a Praça dos Três Poderes, em Brasília, e se dirigiu ao STF. O presidente pediu, mais uma vez, a reabertura do comércio.

Na avaliação desses integrantes, porém, Bolsonaro teve os planos frustrados. Isso porque o presidente do STF, Dias Toffoli disse ser preciso respeitar a ciência na tomada de decisões. Toffoli também defendeu a criação de um comitê para discutir medidas, de maneira conjunta, entre União, estados e municípios.

De acordo com o blog, a percepção no STF é que Bolsonaro quis criar uma saia-justa para o STF. Inclusive, causou mal-estar entre integrantes da Corte o fato de a equipe de Bolsonaro ter transmitido ao vivo o encontro sem informar o presidente da Corte. (Metro1)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Justiça

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.