Passageiro é detido por tentar agredir senadora Vanessa Grazziotin em avião

6 anos Anterior written by

Um passageiro foi detido pela Polícia Federal no final da quarta-feira (31) no Aeroporto Internacional de Curitiba por tentar supostamente agredir a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). O voo vinha de Brasília e a senadora foi hostilizada por passageiros favoráveis ao impeachment de Dilma Rousseff. Quando começou a ser xingada, a senadora passou a filmar o homem, que tenta tirar o celular dela. Houve tumulto e a PF foi chamada. Testemunhas disseram que comissários de bordo precisaram ajudar o desembarque da senadora. A companhia aérea chamou a PF. O passageiro que foi para cima da senadora, de cerca de 40 anos, ficou retido enquanto os demais desembarcavam. Ele ficou cerca de meia hora na sala da PF no aeroporto. A confusão gerou atraso no desembarque. “Achei um absurdo, que foi uma agressão sim. Ela apontou o celular para filmar e quando ele puxou, ela puxou também, e pegou no cabelo dela. E ela acabou batendo a cabeça no braço da poltrona. A Polícia Federal não tinha delegado no aeroporto e acabaram não registrando a ocorrência na hora. Ele (o agressor) foi para a salinha da Polícia Federal”, disse ao Paraná Portal um passageiro, que preferiu não ser identificado. Outro passageiro diz que desde o embarque já havia um clima de tensão e gritos de “Fora, querida” foram ouvidos. “Quando (os passageiros) começaram a desembarcar, e algumas pessoas começaram a gritar com ela, eu vi o cara pular pra cima dela, porque ela estava com um celular na mão. Os comissários avisaram que o desembarque ia demorar porque ‘houve uma agressão’. Ela saiu e o agressor foi retido”, disse. A PF informou que o passageiro não ficou preso, e foi liberado por volta das 0hh20 de hoje. A assessoria da senadora confirmou o fato, mas disse que ela não registrou ocorrência e preferiu não divulgar o “lamentável” caso. A senadora participou da votação do impeachment e foi para Curitiba depois, visitar a mãe, que mora na cidade.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Brasil · Crime

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.