Polícia Civil de Amargosa mostra balanço positivo da Segurança Pública na Cidade no ano de 2015.

6 anos Anterior written by

Os últimos anos estão sendo marcados por um fenômeno de aumento global da violência, pricipalmente nos crimes contra a vida.

A Cidade de Amargosa, porém, está fazendo o caminho inverso, com acentuado decréscimo nos índices de criminalidade.

Para termos uma idéia, houve uma redução de 78% (setenta e oito por cento) no número de homicídios, em relação ao ano de 2014, o que corresponde a várias vidas salvas.

E não é só em relação a homicídio, houve também redução significativa nos crimes contra o patrimônio, especialmente roubo, no qual nos aproximamos dos 50% (cinquenta por cento). A redução também ocorreu nos demais delitos.

Esses expressivos números foram alcançados gracas ao trabalho comprometido desenvolvido pelos policiais. Fator importante é que as investigações contam, em regra, com a participação da população diretamente interessada, em uma verdadeira sintonia Polícia-Comunidade, o que resulta em diversas operações realizadas pela Polícia Civil, algumas em conjunto com a Polícia Militar, demonstrando a parceria existente.

Foram inúmeras as operações realizadas pela Polícia Civil ao longo de 2015, sendo a última delas na terça-feira, 22/12/15, oportunidade na qual os policiais concentraram os trabalhos no bairro São Roque, prendendo 06 (seis) pessoas envolvidas no tráfico e roubos na localidade, retomando a segurança e tranquilidade naquela comunidade.

“Com um trabalho digno, aos poucos fomos ganhando a Confiança da população Amargosense em nossas ações, com isso a interacao está cada dia melhor, fato que reflete diretamente nos resultados. Afinal, trabalhamos em prol da sociedade. Em 2016, certamente intensificaremos essa sintonia. A família Polícia Civil de Amargosa, deseja a todos, de coração, muita PAZ e HARMONIA e que seus sonhos de concretizem neste ano vindouro”, finalizou o Delegado Adilson Bezerra de Freitas.

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Amargosa · Bahia · Polícia

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.