Prefeito de Laje é acusado de não cumprir acordo com agentes comunitários

6 anos Anterior written by

O prefeito da cidade de Laje José Emiran Feitosa (PT), está sendo acusado pelo Sindvale (Sindicato Intermunicipal dos Servidores Públicos do Vale do Jiquiriçá) de não cumprir um acordo firmado com os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias (ACS e AE). Para o sindicalista e pré-candidato a prefeito, Jaqueson Silva (PSB), o prefeito quebrou um acordo feito com os servidores da saúde. “Ele garantiu aos Agentes Comunitários de Saúde que pagaria o incentivo referente ao 14º salário, tão logo o governo federal efetuasse o repasse para o município. Agora em dezembro o governo federal repassou a quantia de R$ 48.165,00 valor correspondente a 95% do total do incentivo, parte que é de responsabilidade federal, cabendo ao município a contrapartida de apenas 5%”, disse. Na oportunidade o presidente do Sindivale, Arnaldo Santos da Silva, informou que o órgão entrará com um mandado de segurança contra a prefeitura e poderá deflagrar uma mobilização para forçar o prefeito a cumprir com o acordo, caso o repasse não seja feito até o dia 8 de dezembro. (Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: Rádio Lider 87,9)

Comentários

Comentários

Artigos de Categorias:
Bahia · Política

Deixe o seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.